8 motivos para conhecer Prudentópolis, a “Terra das Cachoeiras Gigantes”

Belezas naturais, comidas típicas, religiosidade e influência ucraniana fazem parte da lista de razões para você conhecer este município do Paraná
0
91

Belezas naturais, comidas típicas, religiosidade e influência ucraniana fazem parte da lista de razões para você conhecer este município do Paraná

Você já ouviu falar da Terra das Cachoeiras Gigantes? O município de Prudentópolis, no estado do Paraná, recebeu esse apelido por hospedar mais de 100 cachoeiras e algumas com mais de cem metros de altura.

Fundada no século XIX por imigrantes ucranianos, a cidade tem muitos atrativos para os turistas além de suas belezas naturais, como a área cultural e gastronômica. Por estar fora da rota tradicional de viagens, o iG Turismo reuniu oito motivos para você pensar em sair do comum e visitar Prudentópolis . Clique abaixo no item que deseja ler:

  • Como chegar?
  • Monumento Natural Salto São João
  • Cachoeiras e saltos
  • Trilhas
  • Atividades de aventura
  • Museu
  • Igrejas
  • Gastronomia
  • Eventos tradicionais

Como chegar em Prudentópolis?

A cidade de Prudentópolis fica a 203 km de Curitiba e pode ser acessada de carro ou ônibus pela BR 277, BR 376 e BR 373. Confira abaixo os trajetos saindo da capital paranaense até o município, utilizando o Google Maps.

O que fazer em Prudentópolis #1: Monumento Natural Salto São João

Foto: O Monumento Natural Salto São João é um dos atrativos naturais mais importantes de Prudentópolis, Crédito: Reprodução/ Facebook

Um dos cartões postais de Prudentópolis é o Monumento Natural Salto São João. O local de 15 alqueires tem uma das cachoeiras mais altas do município, com 84 metros de altura, que desagua no rio São João. Cercado pela Floresta de Auracárias, o espaço também tem vasta flora, fauna e recursos hídricos. O rio, inclusive, é um dos principais da cidade e possui dezenas de cachoeiras e locais para lazer.

No Monumento o visitante ainda encontra estacionamento, centro com anfiteatro, banheiros, lanchonete e espaço de comércio.

O que fazer em Prudentópolis #2: Visitar cachoeiras e saltos

Na Terra das Cachoeiras Gigantes é comum denominar as quedas d’água de saltos. Quem viajar até o município precisa conhecer os seguintes atrativos naturais:

Foto: A cachoeira Salto Sete tem 77 metros de altura, Crédito: Reprodução/ site pousada salto sete

Salto Sete – cachoeira com 77 metros de altura com um mirante e pousada inclusa. Do alto do Sete é possível ver o maior cânion da região e desfrutar da culinária local.

Foto: O complexo da família Kapuchinski abriga Salto São Sebastião e o Salto Mlot, Crédito: Reprodução/ Facebook

Salto São Sebastião/ Salto Mlot – com 120 metros de altura, o salto São Sebastião fica em frente ao Mlot e dá acesso a uma gruta natural e cachoeiras menores. No complexo da família Kapuchinski também existe uma trilha de nível médio para os mais radicais. É preciso pagar R$ 10 para entrar, por pessoa.

Foto: O salto Barão do Rio Branco é uma das cachoeiras com maior volume de água de Prudentópolis, Crédito: Reprodução/ TripAdvisor

Salto Barão do Rio Branco – com 64 metros de altura, o Barão fica localizado no Rio dos Patos e é um dos mais procurados pelos turistas. A quantidade de água é tão grande que o espaço também é utilizado para geração de energia elétrica. Para subir até o topo do salto é preciso encarar uma escadaria de 478 degraus. Entrada gratuita.

Foto: O salto Manduri tem 32 metros de altura e está na propriedade da família Rickli, Crédito: Reprodução/ TripAdvisor

Salto Manduri – conhecido também por Salto Rickli possui 32 metros de altura e aproximadamente 100 metros de largura. A cachoeira fica dentro da propriedade da família Rickli e só é autorizada a entrada com guias.

Foto: O salto São Francisco é a maior cachoeira de Prudentópolis: 196 metros de queda livre, Crédito: Reprodução/ TripAdvisor

Salto São Francisco – a cachoeira mais alta de Prudentópolis tem 196 metros de queda livre. Além da altura, o salto também possui grandes paredões que formam cânions ao longo do rio. O complexo tem área para acampamento, uma trilha de nível fácil, um mirante natural e à outra cachoeira. Entrada gratuita.

O que fazer em Prudentópolis #3: Trilhas

Foto: Ninho do Corvo tem opções de trilhas, Crédito: Divulgação

Além das trilhas citadas em complexos de cachoeiras , os turistas poderão acessar alguns caminhos no Ninho do Corvo, uma área de RPPN (Reserva Particular do Patrimonio Natural) que possui mais de dois mil metros de trilhas autoguiadas.

Um bônus da caminhada são as cachoeiras, mirantes, rios e o cânion do rio Barra Bonita que possui um poço onde os turistas se refrescam.

Por ficar em propriedade privada, o Ninho do Corvo está aberto de terça a sábado das 09h às 17h. A entrada custa R$ 20 por pessoa dando acesso as trilhas e seis cachoeiras da reserva.

O que fazer em Prudentópolis #4: Atividades de aventura

Foto: O Ninho do Corvo tem várias atividades radicais para os turistas, Crédito: Divulgação

Prudentópolis é um polo do ecoturismo , por esse motivo a prática de esportes radicais é muito difundida. Ainda na reserva do Ninho do Corvo os turistas podem fazer tirolesa, rapelesa, corvolesa e um circuito cânion (todas as três opções) os valores de cada atividade são:

  • Tirolesa: R$ 50 (preço balcão); R$ 40 (antecipado); R$ 35 (para grupo de 06 pessoas antecipado);
  • Rapelesa: R$ 100 (preço balcão); R$ 90 (antecipado); R$ 80 (para grupo de 06 pessoas antecipado);
  • Corvolesa: R$ 130 (preço balcão); R$ 110 (antecipado); R$ 100 (para grupo de 06 pessoas antecipado);
  • Circuito Cânion: R$ 200 (preço balcão); R$ 180 (antecipado); R$ 160 (para grupo de 06 pessoas antecipado);

*Não recomendado para grávidas ou para pessoas que tenham doenças que não possam praticar as atividades. Seguro contra acidentes para reservas antecipadas.

O que fazer em Prudentópolis#5: Museus

Foto: O Museu do Milênio conta a história da imigração ucraniana para Prudentópolis, Crédito: Reprodução/ Facebook

As atrações culturais em Prudentópolis também são muito ricas. Um dos museus mais legais na cidade é o Museu do Milênio que representa a chegada dos emigrantes ucranianos no Brasil. O acervo é formado por objetos, mobília, iconografia, fotografias, documentação textual, entre outros.

Horário de funcionamento

Segunda a sexta: das 08h30 as 11h30; das 14h30 as 17h
Sábado, domingo e feriados: das 8h30 as 11h30

Entrada: R$ 5

O museu histórico das Irmãs Servas de Maria Imaculada une a cultura com a religião local. O edifício tem dois andares com espaços dedicados às irmãs ucranianas em Prudentópolis. O acervo é composto por fotos, documentos, obras de arte e objetos diversos.

Horário de funcionamento

Segunda a sexta: das 08h30 as 11h30; das 13h as 17h
Sábado: das 08h30 as 11h30
Domingo e feriados: agendamento prévio

Entrada: R$ 5

O que fazer em Prudentópolis #6: Igrejas

Foto: A Igreja Matriz de São Josafat é um dos cartões postais de Prudentópolis, Crédito: Reprodução/ Facebook

Como dito acima, a cidade de Prudentópolis é muito religiosa e por esse motivo tem muitas igrejas para que o turista aprecie.

O Santuário Nossa Senhora das Graças é uma construção no estilo gótico de 1950 que chama atenção pelos vitrais de Nossa Senhora do Rosário e da Sagrada Família. A visitação ao Santuário é feita com guias.

Já a Igreja Matriz de São Josafat é um templo ucraniano em Prudentópolis com 38 metros de comprimento, 28 de largura e 30 de altura. Preservando a língua europeia, o templo tem segue o rito bizantino ucraíno católico e chama atenção pela arquitetura, entalhes em madeira e outras relíquias trazidas da Ucrânia.

A Igreja São João Batista construída em 1900 em estilo colonial também faz parte da rota de turismo religioso da cidade. A visitação é aberta ao público.

O que fazer em Prudentópolis #7: Gastronomia

Foto: O BORSCH é um prato típico da Ucrânia, Crédito: Shutterstock

Pela forte influencia ucraniana da região, a gastronomia também tem traços europeus. Entre os pratos típicos que o turista irá encontrar em Prudentópolis estão:

  • BORSCH – Sopa cremosa de beterraba com repolho e diversos tipos de carnes defumadas.
  • VARÉNEKE – (em ucraniano) PIROGUE (em poloneês) – pastel feito de massa, recheada com batatinha com requeijão, requeijão, repolho azedo ou feijão. Pode ser acompanhado com molho de carne, molho de galinha e nata.
  • HULOPTI – folha de repolho ou couve recheada com arroz, quirera carne moída e arroz lembra o tradicional “charuto” dos árabes.
  • HRIN – Molho de raiz forte com beterraba, para acompanhar carne suína.
  • KRAKÓVIA – Embutido de carne nobre e defumada de porco.

O que fazer em Prudentópolis #8: Eventos tradicionais

Foto: A páscoa ucraniana é um dos eventos tradicionais de Prudentópolis, Crédito: Reprodução/ Facebook

Prudentópolis recebe todos os anos alguns eventos regionais muito tradicionais e que agitam a cidade. Entre eles:

  • Páscoa Ucraniana em março,
  • Festa São João Batista em junho (com dez dias de duração),
  • Festa Nacional do Feijão Preto em agosto,
  • Noite Ucraniana em agosto,
  • Semana da Comunidade Ucraniana em agosto, e
  • Natal Verdade em dezembro.

 

Avalie o Post

Leave a reply